‘Porto dos Milagres’, de Aguinaldo Silva, estreia segunda (1º) no Globoplay

Foto de Guma, com Lívia e Esmerlada,
Livre adaptação de “Mar Morto e A Descoberta da América pelos Turcos”, de Jorge Amado, ‘Porto dos Milagres’, novela de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares, produzida e exibida pela Globo, em 2001, com 203 capítulos, foi pontuada por romances em meio a conflitos de classe.

Letícia Sabatella foi Arlete, uma doce e meiga prostituta que sonhava com o homem que um dia iria tirá-la dessa vida

Na trama política, o simplório pescador Guma, interpretado por Marcos Palmeira, era contra o poder exercido pelo inescrupuloso Félix, vivido por Antonio Fagundes, e sua ambiciosa mulher, Adma, papel de Cassia Kis.

O romance do folhetim ficou por conta dos personagens Guma e Lívia, feita por Flávia Alessandra. Ele acreditava que o destino de todo pescador era morrer no mar e, por isso, sofreu quando se apaixonou pela moça. Ao assumir o romance, passou por muitas provas e transformações com as dificuldades que marcaram o amor dos dois: das diferenças sociais aos inimigos pessoais.

O casal, porém, teve que lidar com as armações da sedutora Esmeralda(Camila Pitanga) moça da cidade baixa apaixonada pelo pescador. Esmeralda cresceu amando Guma, mas adorava receber elogios de outros homens.

No elenco estão Marcos Palmeira, Flávia Alessandra, Camila Pitanga, Antônio Fagundes, Cássia Kis, Luíza Tomé, Leonardo Bricio, José de Abreu, Bárbara Borges, Miguel Thiré, Zezé Polessa, Eduardo Galvão.
Saiba mais
Porto dos Milagres: Trama política com romances e conflitos de classes (Sinopse e personagens)
Confira as novidades no Globoplay agendadas para fevereiro/21

Veja também