Bridgerton e outras estreias recentes na Netflix

Phoebe Dynevor é Daphne Bridgerton na série que estreia no Natal

Confira as estreias da semana:
Ariana Grande: Excuse me, I Love You

Estreia em 21 de Dezembro
Documentário
O documentário Netflix Ariana Grande: Excuse me, I Love You you acompanha a cantora e compositora vencedora do Grammy na turnê mundial Sweetener, de 2019, registrando shows repletos de sucessos além de imagens exclusivas e inéditas da estrela em casa e em viagens com os músicos e bailarinos. O filme destaca várias facetas dessa artista dedicada, entusiasmada e sempre verdadeira, mostrando os bastidores, os ensaios antes dos shows, o vestuário e também momentos íntimos e emocionantes que tornam a relação de Ariana com os fãs tão especial.

O Céu da Meia-Noite

Estreia em 23 de Dezembro
Filme
Esta história pós-apocalíptica acompanha Augustine (George Clooney), um cientista solitário no Ártico que precisa impedir Sully (Felicity Jones) e sua equipe de astronautas de voltar para casa depois de uma misteriosa catástrofe global. Clooney também dirige esta adaptação do aclamado romance “Good Morning, Midnight”, de Lily Brooks-Dalton. O elenco traz David Oyelowo, Kyle Chandler, Demián Bichir e Tiffany Boone.

AK Contra AK

Estreia em 24 de dezembro
Filme
Um realizador impetuoso (Anurag Kashyap no próprio papel) rapta a filha de uma estrela de cinema (Anil Kapoor no próprio papel) e filma a busca desesperada do ator pela filha para conseguir assim o seu próximo êxito de bilheteira.
Trailer original/ Netflix Índia

Bridgerton

Temporada estreia em 25 de dezembro
Série
Com produção da Shondaland e da autoria de Chris Van Dusen, a série “Bridgerton” segue Daphne Bridgerton (Phoebe Dynevor), a irmã mais velha da poderosa família Bridgerton, enquanto entra no competitivo mundo matrimonial londrino, durante o Período da Regência. Na esperança de seguir as pisadas dos pais e encontrar um marido através do amor, os candidatos iniciais de Daphne parecem não ter defeitos. Mas quando o seu irmão mais velho começa a eliminar potenciais pretendentes, a publicação de rumores de alta sociedade escrita pela misteriosa Lady Whistledown ataca a reputação de Daphne. Até que entra em cena o cobiçado e rebelde Duque de Hastings (Regé-Jean Page), um solteiro comprometido, considerado o melhor partido pelas mães das debutantes. Apesar de afirmarem que não estão interessados um no outro, a atração que ambos sentem é inegável e os seus corações ficam ao rubro quando dão por si numa batalha de intelectos cada vez mais intensa, enquanto lidam com as expectativas da sociedade em relação ao seu futuro.
“Bridgerton” é uma série romântica sobre escândalos que conta com humor inteligente e celebra a intemporalidade das longas amizades, das famílias em busca do seu percurso, e da busca por um amor invencível. O elenco da série conta ainda com Golda Rosheuvel, Jonathan Bailey, Luke Newton, Claudia Jessie, Nicola Coughlan, Ruby Barker, Sabrina Bartlett, Ruth Gemmell, Adjoa Andoh, Polly Walker, Ben Miller, Bessie Carter, Harriet Cains e com Julie Andrews na voz de Lady Whistledown. A série é inspirada nos populares livros de Julia Quinn.

Vamos Ser Heróis

Estreia em 25 de dezembro
Filme
Quando os super-heróis da Terra são raptados por extraterrestres, os seus filhos são levados pelo governo para um lugar seguro. Mas a perspicaz adolescente Missy Moreno (Yaya Gosselin) vai fazer de tudo para salvar o seu pai, o super-herói Marcus Moreno (Pedro Pascal), e une-se aos restantes superfilhos para fugir da misteriosa baby-sitter do governo, Miss Granada (Priyanka Chopra Jonas). Se quiserem salvar os seus pais, vão ter de trabalhar em conjunto usando os seus poderes individuais (como a elasticidade, controlar o tempo e prever o futuro) e formar uma equipa de outro mundo. Cheio de ação e emoçoes fortes, “Vamos Ser Heróis” conta com a realização de Robert Rodriguez (Spy Kids; As Aventuras de Sharkboy e Lavagirl)) e é protagonizado por Boyd Holbrook, Christian Slater, Chris McDonald e Adriana Barraza.
Trailer Netflix/Portugal

2020 Nunca Mais (Death to 2020)

Estreia em 27 de dezembro
Documentário
O especial de estilo documentário histórico tece um coro de narração de algumas das vozes mais (fictícias) mais renomadas do mundo com imagens de arquivo da vida real abrangendo os últimos 12 meses.
Death to 2020 foi criado e produzido por Charlie Brooker e Annabel Jones.

The Minimalists: Less Is Now

Estreia em 1º de Janeiro
Filme
O título do filme é inspirado no lema popular ‘menos é mais’, popularizado pelo arquiteto Ludwig Mies van der Rohe (1886–1969), que utilizou este aforismo para descrever a estética do seu design, cuja tática consistia em organizar os componentes necessários de um edifício para criar a impressão de simplicidade extrema. Os Minimalistas reescreveram esta frase para criar um sentido de urgência em relação à cultura de consumo da atualidade: chegou o momento de vivermos com menos.
Trailer original, em inglês

Saiba mais:
Estreias de inéditos na Netflix no mês de janeiro/21

Arte, cena e clássicas online na semana

Futebol ao vivo na TV

Resumos de todas as novelas

Deixe um comentário